sábado, 30 de abril de 2016

INFORMATIVO ESPECIAL: BREVES CONCEITOS DE HISTÓRIA, CULTURA E ARTE


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?



 Como já foi dito na primeira postagem, esse blog tem finalidade divulgar todo material que produzo de forma clara, independente e de fácil entendimento. Entre os vários temas que trabalho aqui, além de educação, poemas, responsabilidade social e filosofia, três são especiais: História, Cultura e Arte. Vamos agora conceituar brevemente essas três importantes áreas do conhecimento humano.
  História é uma ciência que busca através de reflexão os mais diversos aspectos do passado, pesquisando as realizações humanas durante a passagem do tempo, para causar entendimento sobre o tempo presente e nos preparar para os tempos futuros.
 Já a Cultura pode ser entendida como um conjunto de modos de vida criados e transmitidos de geração em geração entre membros de um determinado lugar. Ela pode ser material, o qual são objetos produzidos que forma o ambiente concreto de uma sociedade, podendo ser utensílios, construções, tecidos, transportes e muito mais; imaterial são as formas tradicionais e populares de cultura, sendo passado de geração em geração, como por exemplo, festas, lendas, receitas, danças, músicas, etc.
  Arte é todas as manifestações de ordem estética ou existencial feita por um artista, a partir da percepção, emoção ou ideia, com o objetivo de estimular as mesmas no espectador, dando um significado único e diferente a cada obra. Exemplos; pintura, música, escultura, cinema, literatura, dança, etc.
  Logicamente, essas três áreas do conhecimento humano se relacionam entre si e com outras áreas, existindo muitas outras formas de serem interpretadas, aqui foi colocado aproximadamente como cientificamente é compreendidas, como uma pequena introdução.

Um grande abraço, BOM FIM DE SEMANA, até a próxima.

sexta-feira, 29 de abril de 2016

SRS ESPECIAL: POR QUE DEFENDO A CULTURA EM SANTA ROSA DO SUL?


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

  Há dois anos atrás, aqui em Santa Rosa do Sul, aconteceu a tradicional Festa do Polvilho e da Banana, a Polvilhana, a qual levou ao povo sul santa-rosense quatro dias de muita alegria, entretenimento, oportunidades de negócio, shows musicais e é claro cultura. 
  Pode parecer estranho para muitos, mas a Polvilhana é uma manifestação cultural de suma importância aqui, pois ela retrata a História de nossa cidade e a agricultura, setor o qual impulsiona praticamente toda a economia desse munícipio. É uma festa de cultura popular, para homenagear aquelas pessoas que trabalham na roça, sem deixar de apresentar as características principais e peculiares de Santa Rosa do Sul.
  Como todos devem ter percebido, sou uma pessoa apaixonada, defensor e apoiador da cultura e da arte, especialmente as manifestações culturais que acontecem aqui nesse pequeno munícipio, seja festivais de música, dança, poema, arte, literatura, Polvilhana, Sábados Cultural, Natal Iluminado, festa de Santa Rosa de Lima Festa Cívica, Festival de Folclore, Noite Gospel, etc, sendo cultura e arte, eu apoio pra valer, não interessa quem criou, o que importa é participar, apoiar e fazer que isso se repita muito mais vezes.   
  Por que isso professor? quais são tuas intenções? A resposta é que fui criado em um ambiente escolar onde se valorizava manifestações culturais, seja poemas, literatura, dança, música, teatro, etc. Também visualizei e participei ativamente de um período de muita efervescência cultural em Santa Rosa do Sul entre o fim dos anos 90 e começo dos anos 2000, os quais tenho muita saudade. Além disso, tenho primos músicos, os quais sempre estão participando de festivais aqui, e me influenciam muito até hoje.
   Minhas intenções de defender manifestações culturais e as práticas esportivas, seja nesse blog ou por outros meios, é de promover o bem estar e educação a todas as pessoas, seja criança, adolescentes, adultos e idosos, pois a cultura pode ser um bom aliado na luta contra as drogas, a violência e a outros males que afligem a nossa sociedade.
    Jamais tive a intenção de querer me aparecer ou tentando levar vantagem em cima dos outros, longe de mim isso, eu tenho uma dívida enorme de gratidão com as praticas culturais, pois sou essa pessoa que todos conhecem e admiram e prometi no dia da minha formatura, defender a cultura até os últimos dias de minha vida.
    O Blog do Professor Andrio, depois o programa Correio Cultural e o Vlog do Andrio, vendo a necessidade de falar sobre cultura aqui em Santa Rosa do Sul nos meios de comunicação, resolveu ser uma portal o qual mostra e apoia todas as manifestações culturais que aqui acontecem, além de fazer um resgate cultural e histórico do nosso munícipio, toda população agora pode ter certeza, podem contar comigo, sempre, estou a disposição de ajudar a todos, sem distinção e com muita vontade de fazer um bom trabalho. 
   Para finalizar, quero deixar claro que minha intenção aqui era mostrar um pouco das minhas ideias em relação a cultura, e também pedir a toda população de Santa Rosa do Sul, apoiem nossas manifestações culturais, incentivem seus parentes ou amigos a participar e mostrem que é um meio de promover bem estar social, qualidade de vida e bons valores, além de ser nossa identidade que faz sentirmos iguais, pois um povo o qual preserva sua cultura e História, é como uma árvore com raízes.

Um grande abraço, BOA SEMANA, até a próxima.

quinta-feira, 28 de abril de 2016

POEMA: MUDANÇAS



Sinto os ventos da mudança,
Um clima diferente toma conta de mim,
Depois de tanto sofrimento,
Chegou o momento de virar o jogo.

Mesmo que as lágrimas caem de meus olhos,
É necessário rompimentos para poder continuar em frente,
Preciso ser forte e corajoso sempre,
Pois a vida é assim, ora tempestuosa, outra de calmaria.

Meu coração está pronto para amar e ser amado,
Chega de viver paixões passageiras e ilusórias,
É hora de conhecer o verdadeiro sentido da palavra AMOR.

As barreiras que me impedem, aos poucos vão caindo,
Agora serei livre como um pássaro,
Meu objetivo agora é um só: SER FELIZ.

Autor: Andrio Cardoso Pereira 




quarta-feira, 27 de abril de 2016

A MÚSICA E A HISTÓRIA: REVOLUÇÕES POR MINUTO- RPM


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

 Banda brasileira surgida nos anos 80, o RPM  marcou a História do Rock nacional devido seu instrumental bastante arrojado, letras inteligentes e pela voz inconfundível do baixista Paulo Ricardo, transformaram a banda num estrondoso sucesso nas rádios com sucessos como Olhar 43, Rádio Pirata e Alvorada Voraz, que continuam na boca do povo e no repertório da banda, que continua firme e forte, lançando novos hits e atraindo grandes públicos em seus shows.
 Lançada em 1985 no álbum de mesmo nome, Revoluções por Minuto é um outro grande hit de sucesso feito por Paulo Ricardo e sua turma, além de ser o que representa a sigla RPM, ou em outras palavras, o nome da banda.
 A letra da música fala sobre as mudanças político-sociais e culturais ocorridas em meados dos anos 80, que culminaram com o fim da Guerra Fria e também do Regime Militar no Brasil, além é claro de apresentar a rapidez que a mídia da época traziam as notícias ocorridas em todo o mundo, com fundo de crítica, devido ao forte sensacionalismo que elas chegam ao público. Também dá para fazer uma analogia aos dias de hoje, onde todo tipo de informação circula com uma velocidade ainda maior, devido ao uso da internet, tornando essa música tão atual como na época em que foi lançada.
 Confiram abaixo a música original, prestem muita atenção na letra:



Um grande abraço, até a próxima.

terça-feira, 26 de abril de 2016

LIVRO: AZINCOURT- BERNARD CORNWELL



Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

 Considerado um dos maiores escritores de romances históricos da atualidade, Bernard Cornwell  é autor de obras consagradas como Crônicas Saxônicas, As Crônicas de Artur As Aventuras de Sharpe, livros que são Best-Sellers em todo o mundo, sendo traduzido para 16 idiomas. Seus romances misturam estudos históricos, aventura e tons dramáticos, sendo grandiosas epopeias, retratando geralmente acontecimentos históricos acontecidos na Inglaterra, sua terra natal.
 Publicado em 2008, Azincourt conta a estória de um problemático jovem arqueiro inglês, que vira fora da lei após cometer um assassinato durante uma revolta, acaba parando na França, onde participa de uma das batalhas mais importantes da Guerra dos Cem Anos (1337-1453), a de Azincourt, onde o exército inglês derrota o poderoso exército francês, mesmo com todas as adversidades climáticas e militares. para a criação do enrendo do livro foi utilizada fontes históricas e a peça Henrique V, escrita por Willian Shakespeare.
 Além de retratar um dos episódios mais épicos e dramáticos da Guerra dos Cem Anos, o livro mostra como era a vida de um soldado no período medieval, as estratégias militares, a derrota da aristocracia feudal, a brutalidade dos combates, o tratamento rude que a nobreza dava aos seus servos, a força e coragem das pessoas comuns durante a batalha, as adversidades climáticas como influência dos acontecimentos históricos e o comportamento da Igreja Católica, nobreza e militares, são as características históricas mais marcantes em todo o enredo.
 Sem apelar para a fantasia, Bernard Cornwell mostrou um visão muito particular dos fatos históricos retratados no livro, tornando-o muito realista e divertido, aproximando-se bastante das linguagens cinematográfica e historiográfica, levando o leitor imaginar as cenas de batalha e toda a aventura em cada página, tornando a leitura bastante prazerosa.

Um grande abraço, boa leitura, até a próxima. 

segunda-feira, 25 de abril de 2016

CINE HISTÓRIA: FUGA PARA A VITÓRIA (1982)



FICHA TÉCNICA

Título Original: Escape to Victory 
Duração: 115 min.
Ano: 1982
Diretor: John Huston  
País: Estados Unidos
Idiomas disponíveis e legendas: Inglês, Alemão, Francês e Português 
Gênero: Aventura/ Ação/ Épico/ Guerra /Drama Esportivo
Temática: Segunda Guerra Mundial 

SINOPSE (Fonte: Adoro Cinema)

Em um campo alemão de prisioneiros de guerra o major Karl von Steiner (Max Von Sydow), que já tinha pertencido à seleção alemã de futebol, tem a ideia de fazer um jogo entre uma seleção dos prisioneiros aliados, liderados pelo capitão John Colby (Michael Caine), um inglês que era um conhecido jogador de futebol. Colby também teria a tarefa de selecionar e treinar o time, para enfrentar o time alemão no Estádio Colombes, em Paris. Enquanto os nazistas, com exceção de Steiner, planejam fazer de tudo para vencer o jogo e assim usar ao máximo a propaganda de guerra nazista, os jogadores aliados planejam uma arriscada fuga durante a partida.

COMENTÁRIO

 Grandioso filme dirigido pelo mestre John Huston, Fuga para a Vitória é um clássico da década de 80, tendo um enredo bastante eletrizante a ao mesmo emotivo, cenografia  impressionante, elenco global encabeçado por Sylvester Stallone, Michael Caine e Max Von Sydow, além de grandes atros do futebol da época como Bobby Moore, Osvaldo Ardiles e Pelé, sendo ele o responsável pelas cenas mais belas do filme.
 Ambientado na Segunda Guerra Mundial, o filme retrata a estória de um campo de concentração na Alemanha Nazista, onde prisioneiros de guerra são treinados para jogar futebol, no intuito de jogar contra a poderosa seleção alemã, tentando usar a euforia da partida para realizar uma grandiosa fuga, enquanto os nazistas tentam transformar o jogo em uma grande propaganda de guerra, gerando  um conflito tanto dentro como fora de campo, tendo um desfecho épico realmente digno de uma partida de futebol.
 Pegando a velha premissa dos filmes de fuga em campos de concentração, Fuga para a Vitória se assemelha com clássicos do gênero como Fugindo do Inferno e Inferno nº 17, trazendo a questão da fuga como única salvação para salvar dos horrores da guerra, a díficil vida dos prisioneiros aliados nesses campos de segurança máxima, a poderosa máquina de propaganda nazista, os desejos pessoais de cada prisioneiro e o triunfo do bem sobre o mal são temas bem trabalhados pela competente direção de Huston e seu elenco de nível global.
 Apesar de ser uma obra de ficção, o enredo de Fuga para a Vitória foi inspirada em um acontecimento real da Segunda Guerra Mundial: a Partida da Morte, que foi uma partida de futebol ocorrida em 09 de agosto de 1942 na cidade de Kiev na Ucrânia, sendo disputada entre prisioneiros de guerra soviéticos (russos) e soldados alemães, sendo que os soviéticos venceram a partida por 5 a 3, gerando consequências fatais para os vencedores.
 Invés de sangrentas cenas de batalha, o filme traz o conflito através da partida de futebol, que aliás é o grande tema dessa obra, mostrando que o esporte é mais poderoso do que qualquer conflito, une as pessoas em prol de algo comum, supera qualquer obstáculo e que a vitória é apenas consequência de quando se une força pelo bem maior, sendo essa a grande mensagem desse filme inesquecível e divertido.

CLIQUE AQUI PARA FAZER O DOWNLOAD DO FILME

Grane abraço, BOA SEMANA, BOA SESSÃO, até a próxima!

domingo, 24 de abril de 2016

INFORMATIVO ESPECIAL: DIA MUNDIAL DO LIVRO


Olá caros leitores, tudo bem com vocês

No último dia 23 de abril foi comemorado uma data muito especial para os amantes da leitura, comemora-se o Dia Mundial do Livro e do Direito do Autor, data escolhida em alusão a morte de dois grandes escritores da humanidade, Willian Shakespeare e Miguel de Cervantes. Essa data foi criada na Espanha nos anos 1930, sendo estabelecida pela UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) somente em 1995.
 Agora vamos conhecer um pouco dos dois homenageados no Dia do Livro, ambos são escritores da escola artística do Renascimento, a qual teve seu apogeu na Europa entre os séculos XV e XVII, sendo período que marca a transição do período medieval para a modernidade.


 Miguel de Cervantes (1547-1616), nasceu na Espanha, foi romancista, poeta e dramaturgo, autor do romance Dom Quixote de la Mancha, uma impiedosa sátira as novelas de cavalaria medieval, narrando a saga de um fidalgo espanhol, o qual apaixonado por livros de cavalaria, perde a razão e acredita ser um cavaleiro de verdade, vivendo assim suas aventuras, ao lado de seu fiel escudeiro Sancho Pança. 


Willian Shakespeare (1564- 1664), nasceu na Inglaterra, foi poeta e dramaturgo, escreveu importantes peças teatrais, muitas delas são encenadas até hoje e forma inúmeras vezes adaptadas para as telas de cinema. Obras como Hamlet, Macbeth, Romeu e Julieta, Rei Lear, Otelo, Mercador de Veneza, Sonhos de uma Noite de Verão e A Tempestade transformaram Shakespeare no maior escritor de todos os tempos.
 Como já falei em outras oportunidades, sou um apaixonado pelos livros e por bibliotecas, sou um leitor voraz, diariamente leio, adoro praticamente todos os gêneros literários. Também incentivo a leitura em todos os meios, seja aqui no blog, nas redes sociais, escolas ou numa conversa entre amigos, acredito demais no poder de transformação dos livros.
 Além de desenvolver a capacidade de ler e escrever bem, o livro serve para divulgação de idéias, estudar novas teorias, conhecer novos mundos, viver grandes aventuras, ter as mais variados tipos de emoções, pensar sobre os problemas do mundo, divertir, enfim, são tantos benefícios que a leitura traz, sendo impossível elencar todas numa só vez.
 Para encerrar, parafraseando um pouco a postagem sobre o Dia Nacional do Livro Infantil, não basta apenas comemorar, datas comemorativas vem e vão anualmente, as vezes passam batidas, tem que incentivar a leitura em todos os lugares, criar espaços para essa atividade, como bibliotecas e clubes de leitura, exigir as autoridades municipais a dar suporte para criação desses ambientes.

Um grande abraço a todos,  BOA SEMANA, até a próxima.

VIVA O DIA DO LIVRO!  

sábado, 23 de abril de 2016

RETRÔ: A TURMA DO ARREPIO



Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

Você conhece os personagens da figura acima? Eles fizeram parte de uma das séries de gibis de maior sucesso no Brasil na década de 1990, ganhando status de cult com o decorrer das décadas, sempre lembrada com muita nostalgia,  estou falando logicamente da divertida A Turma do Arrepio.
Criada em 1989 pelo cartunista César Sandoval, A Turma do Arrepio fui publicado até 1993, tendo no total quarenta e três volumes e um almanaque, sendo um grande sucesso no período em que foi publicado, devido a seu humor bem refinado e estórias bastante cativantes.
 A trama dos gibis fica envolta nos personagens Draky (vampiro), Medeia (bruxa), Stein (Frankestein),  Tuty (múmia), Luby ( lobisomem) e Belfredo (morcego), que vivem no Edifício do Arrepio, vivendo divertidas e emocionantes aventuras, vivendo situações bastante cômicas.
 Como todos podem perceber, todos os nomes e os personagens fazem referências bem explicitas a literatura clássica e aos filmes de terror, sendo que os personagens e tem manias  das criaturas que elas representem, porém são apenas crianças desajeitadas, carismáticas, boazinhas e que apenas querem se divertir.

 O Sucesso da Turma do Arrepio foi tão grande que em 1995, a extinta Rede Manchete realizou um seriado com atores baseado nos gibis, pegando o humor e a personalidade dos  protagonistas, com bastante efeitos especiais e ritmo de suspense humorístico, misturando com programa de brincadeiras e distribuição de brindes, sendo um sucesso também na televisão, confira abaixo um vídeo com trecho de um episódio da televisão para matar a saudade:


Mais de 20 anos depois, podemos sentir até hoje que a Turma do Arrepio continua bem atual, seu humor bem infantil e ao mesmo tempo refinado, teve seus gibis relançados e peças de teatro com bonecos fazendo turnê por todo o país, mostrando que essa turma continua amada no Brasil.
    
Grande abraço, BOM FIM DE SEMANA,  até a próxima!

sexta-feira, 22 de abril de 2016

PROGRAMA CORREIO CULTURAL: ABRIL



Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

Quase  um mês depois da apresentação do último, na última quarta (20/04/2016) foi ao ar na rádio 87. 9 FM Cidade Sul de Santa Rosa do Sul mais uma edição do Correio Cultural, programa apresentado por mim,  sendo o quarto da temporada 2016. Confira o programa sem cortes no link abaixo:




Nessa edição do programa, prosseguindo com a grande novidade que está agitando o programa: divulgação de artistas locais, no intuito de mostrar o trabalho deles no rádio, nesse programa falamos da banda Padresitos e tocamos a música Na Ponta dos Pés. Dessa vez, o programa foi voltado a temáticas mistas, mas dando bastante enfoque a cultura local, sendo o programa com mais temáticas feitas até em então tendo no total 21, os seguintes temas foram:

Poema: Amar de Andrio Cardoso Pereira
Filme: Dança com Lobos
Livro: O Pequeno Príncipe de Antoine de Saint-Exupery 
Músicas: Bandeira do Divino- Nalva Aguiar & Ivan Lins
               O Amanhã Colorido- Pouca vogal
Conceito e classificação da cultura
Feriado de Tiradentes
Dia do Índio
Dia Nacional do Livro Infantil
Importância da leitura
Dia do Descobrimento do Brasil
Aula de Zumba na Avenida Damásio Peres
Araranguafest
Lançamento do Vlog do Andrio
Pub Réus
Feira do Livro em Sombrio
Dia da Família na Escola
Mutirão na Escola João dos Santos Areão
Cafe Cooperativo na Escola Cônego João Reitz
Festivais de Dança em Santa Rosa do Sul 


 Para finalizar,  seja quem ouviu ao vivo ou pela internet, quero agradecer de coração a todos, meu programa é feito com muito carinho e dedicação. Como todos sabem, não sou profissional, estou me esforçando ao máximo nesse projeto, vejo que está dando ótimos frutos e que a cultura tem vez no mundo do rádio, em maio teremos mais uma edição do programa, quem quiser sugerir algum tema cultural, pode me chamar inbox pelo Facebook, acessar a página https://www.facebook.com/correioculturalandrio/, comentando nessa postagem daqui do blog ou  pelo mail andriocardosopereira@hotmail.com e correiocultural@outlook.com que irei anotar com todo carinho. Sobre a divulgação das bandas e artistas locais no programa, todo programa  terá uma ou duas bandas homenageadas, mande a música, nome dos componentes e um pequeno histórico da banda através dos contatos citados acima. Apoiadores culturais, basta entrar em contato comigo, no momento preciso de patrocínios para manter esse projeto no ar.



Grande abraço, BOM FIM DE SEMANA, até a próxima! 


quinta-feira, 21 de abril de 2016

INFORMATIVO ESPECIAL: TIRADENTES NA TELEVISÃO, CINEMA, LITERATURA E MÚSICA


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

 Hoje, dia 21 de abril comemoramos em todo Brasil o Dia de Tiradentes, data que celebrada o sacrifício de Joaquim José da Silva Xavier, apelidado como Tiradentes por ter o ofício de dentista, foi um militar de baixa patente que lutou pela independência do Brasil, liderando movimento da Inconfidência Mineira, porém foi traído, preso, condenado a morte na forca e esquartejado no dia 21 de abril de 1792, torna-se o primeiro herói nacional, sendo reconhecido com esse título apenas com a Proclamação da República em 15 de novembro de 1889.
 Sendo considerado herói nacional, Tiradentes é uma figura o qual a ficção e a arte já retratou de inúmeras formas, sempre mantendo o seu martírio como um ato que inspirou os movimentos emancipacionistas a partir do fim do século XVIII, além de sua representação em pinturas e gravuras parecer com as feições físicas de Jesus Cristo, mesmo havendo estudos que desmentem essa imagem, mas isso não vem ao caso, sempre Tiradentes esteve presente no imaginário e da cultura brasileira. Vamos ver agora conhecer filmes, novela, livros e música que retratam a vida de Tiradentes.
 A Rede Globo está exibindo desde o último dia 11 de abril a novela Liberdade! Liberdade! Na faixa de horário das onze horas da noite, baseado no livro Joaquina, a Filha de Tiradentes escrito por Maria José de Queiroz, retrata de forma épica principalmente no primeiro capítulo os últimos meses de vida de Tiradentes através do olhar de sua filha Joaquina, a heroína da novela, que depois de sua morte, foge para Portugal quando é criança e retorna ao Brasil já adulta,  passa a lutar contra a opressão portuguesa, a trama é cheia de aventura, emoção, sensualidade, cenários belíssimos e acontecimentos históricos, vale a pena conferir. Quem interpreta Tiradentes no folhetim é o talentoso Thiago Lacerda, que dá um verdadeiro show de interpretação, provando que é um ator competente em grandes épicos.
 No cinema, Tiradentes foi retratado de diversas formas, sendo os mais conhecidos: Tiradentes, o Mártir da Independência ( 1976) dirigido por Geraldo Vietri, é uma obra mais épica e histórica, mostrando a vida de Tiradentes desde sua infância até seu martírio, sendo interpretado por Adriano Reys; Os Inconfidentes (1972)  dirigido por Joaquim Pedro de Andrade, é um filme com um tom mais politizado, fazendo de forma indireta críticas a Ditadura Militar, usando nos diálogos versos de poetas da época da Inconfidência Mineira como Claudio Manoel da Costa e Tomas Antonio Gonzaga, retratando um Tiradentes mais libertário, sendo interpretado de forma brilhante por José Wilker; e Tiradentes (1998) dirigido por Oswaldo Caldeira, é inspirado no livro de mesmo nome escrito pelo próprio diretor do filme, é uma versão mais dramática e social da vida de Tiradentes, retando os fatos políticos por de trás de sua condenação através de diálogos bastante poéticos, sendo interpretado por Humberto Martins. Abaixo tem os três filmes sobre a vida de Tiradentes.

TIRADENTES, O MÁRTIR DA INDEPENDÊNCIA



OS INCONFIDENTES



TIRADENTES



Na literatura,  a obra mais conhecida sobre a vida de Tiradentes sem dúvida é o Romanceiro da Inconfidência, escrito por Cecilia Meireles e publicado em 1953, se trata de um grandioso poema épico que retrata os principais heróis fatos da Inconfidência Mineira, especialmente Tiradentes, que é retratado com uma aura messiânica e heroica, sendo uma obra de valor histórico e cultural de imenso valor para a literatura brasileira, um verdadeiro clássico.
 Na música, o grande mártir da Independência do Brasil foi homenageado no samba enredo da escola Império Serrano em 1949, Exaltação a Tiradentes, escrita por  Fernando Barbosa Júnior e Mano Décio da Viola, Estanislau Silva e Penteado, é uma música bem ilustrativa para retratar a vida de Tiradentes, confiram abaixo a música, prestem atenção na letra:


 Para encerrar essa postagem, é bom lembrar que existem inúmeras outras obras que contam a vida de Tiradentes, as que foram faladas nessa postagem são aquelas que são mais de fácil acesso, ilustram bem a ideia de herói nacional e servem para refletir o verdadeiro sentido dessa data tão importante no calendário nacional, sendo muito mais do que um feriado, e sim uma data de reflexão.   
    
Grande abraço, BOM FERIADO,  até a próxima!

quarta-feira, 20 de abril de 2016

POEMA: HOJE EM DIA


Hoje em dia, o mundo está em crise,
Ninguém respeita a opinião dos outros,
Tudo é motivo para injurias de todas as espécies,
Ideologias enganam a todos com um paraíso artificial,
Ser romântico é motivo de ridicularização,
Ser vítima de nosso próprios erros,
Defender a família é ser tachado de conservador,
Defender uma causa realmente justa é tachado de oportunista,
Ser vítima de preconceito por motivos bestas,
Ser perseguido por suas idéias,
Onde vamos chegar com tudo isso?
O mundo como está, não pode ficar.

Autor: Andrio Cardoso Pereira

terça-feira, 19 de abril de 2016

RETRÔ: PITFALL


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

 Quem teve a infância nos anos 80 e jogou muitos jogos no console Atari, com toda certeza lembra com muita nostalgia a imagem acima, é um dos games mais alucinantes e divertidos desse console, estou falando de Pitfall, lançado em 1982 pela Activision, empresa responsável por criar outros jogos clássicos do Atari como River Raid  e Enduro.
 Criado pelo designer estadunidense David Crane, o enredo de Pitfall é bastante simples: o jogador controla um personagem chamado Pitfall Harry, um aventureiro que entra numa floresta em busca de 32 tesouros perdidos, enfrentando perigos como cobras, escorpiões, morcegos, crocodilos, fogo, troncos de madeira, areias movediças, poças de piche e buracos, tendo apenas 20 minutos para completar essa perigosa missão.
 Lançado bem no começo da febre dos filmes de aventura estrelados por Indiana Jones e Alan Quatermain, o jogo se assemelha muito ao universo desses filmes, pelo fato do personagem do jogo caçar tesouros e enfrentar os perigos naturais e armadilhas mortais, tendo fortes indícios que Pitfall recebeu forte influência desses filmes de aventuras.
 Por ser ambientado num floresta e pelo fato do personagem atravessar os obstáculos com um cipó, uma das referências prováveis para a criação do enredo de Pitfall sem dúvida é as aventuras de Tarzan, tendo inclusive muitas pessoas chegavam a afirmar que era o Jogo do Tarzan, devido tamanha semelhança dos enredos tantos dos filmes como desse game.
 Para refrescar a memória de todos, curtam abaixo um game play desse jogo incrível, aposto que você ao ouvir os efeitos sonoros e ver as imagens, irá lembrar desse game que marcou toda uma geração e também a História do videogame, confiram e viagem no tempo:


Devido ao estrondoso sucesso desse game, a Activision lançou uma continuação e diversas outras versões para praticamente todas os consoles de videogame da época, como o Nintendinho e Mega Drive, transformando o jogo em uma franquia, que continua a fazer sucesso nos consoles mais contemporâneos, como PC, Playstation e na internet, sendo um clássico absoluto dos jogos de videogames.

Um grande abraço a todos, até a próxima. 

segunda-feira, 18 de abril de 2016

SRS ESPECIAL: FAMÍLIA NA ESCOLA, E.E.B JOÃO DOS SANTOS AREÃO 16/04/2016



Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

  Escola bastante tradicional de Santa Rosa do Sul qual tem mais de 100 anos de existência,  a Eeb João dos Santos Areão tem uma relação bastante forte com a população de Santa Rosa do Sul, seja no âmbito cultural, político, social e educacional, participando ativamente dos acontecimentos históricos do munícipio.
 Com intuito de celebrar o Dia da Família na Escola, data instituída pela secretária estadual  de educação e pelo governo do estado de Santa Catarina, o qual determinou anualmente no terceiro sábado do mês de abril seja comemorado essa data conforme os costumes de cada escola e da cultura onde ela é inserida.
 Optando em fazer por dois sábados seguidos, nos dias 09 e 16 de abril respectivamente,  a escola João dos Santos Areão optou celebrar o Dia da Família na Escola de maneira bastante especial,  reunindo diretoria, pais de alunos, alunos, professores e até mesmo ex-alunos me prol da limpeza da escola, seja de forma interna e externa.
 Sendo uma forma de chamar a atenção da sociedade em relação aos cuidados que todos devemos ter com nossa escola, fazendo limpeza tanto externamente como lavar a calçada e muros, como internamente pintando as salas, consertando a parte elétrica, lavando as salas, consertando os objetos que estavam quebrados, roçando onde o mato estava alto, retirar o lixo e construir um jardim bonito, fazendo uma verdadeira faxina na escola.
  Mesmo com o calor escaldante, os voluntários não desanimaram e trabalharam bastante duro, havendo momentos para muita descontração e lembranças dos tempos de escola pois a grande maioria já foi aluno do E.e.b. João dos Santo Areão, tendo um resultado bastante significativo, encerrando com um delicioso café, sendo um dos momentos mais aguardados por todos, transformando esse momento numa verdadeira festa.
 Quero parabenizar a diretoria da escola e a todos voluntários por essa linda atitude, dedicando seu tempo livre para ajudar a escola, é uma atitude digna de aplausos, mostrando a todos que escola, alunos, professores, pais e ex-alunos são uma grande família, além de mostrar que auno se une todas as forças, independente de qualquer tipo de ideologia, consegue resultados maravilhosos, tano a níveis sociais, políticos, educacionais e principalmente, culturais.  

    

Grande abraço, BOM FIM DE SEMANA,  até a próxima!

domingo, 17 de abril de 2016

SRS ESPECIAL: I CAFÉ COOPERATIVO FAMÍLIA NA ESCOLA CÔNEGO JOÃO REITZ, VILA SÃO CRISTOVÃO (16/04)



Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

 Sendo a comunidade mais industrial do munícipio, Vila São Cristovão é a maior produtora de polvilho de Santa Rosa do Sul, tendo fábricas importantes como a Polvilho Machado, Gussman e Kauê que levam nosso polvilho e seus derivados para todas as partes do Brasil, além disso a comunidade tem uma culinária bastante rica devido a presença do polvilho, além e ter características culturais bem interessantes como por exemplo ser um dos celeiros musicais do munícipio, surgindo talentos dentro da igreja Católica e das igrejas evangélicas, sendo que a sede da única orquestra do munícipio, Coral Vozes de Betel e Orquestra da Igreja Batista Betel Conservadora de Santa Rosa do Sul, tem sede em Vila São Cristovão, sempre tendo presença marcante nas festividades do Natal e em outros eventos do munícipio.
  Escola que tem o nome do primeiro padre da região, João Adão Reitz, o Cônego é uma escola de ensino fundamental de nível estadual, foi fundada em 1965, ela atende alunos principalmente a comunidade de Vila São Cristovão, comunidade onde ela está inserida, sendo conhecida por ser uma escola bastante ativa tanto no meio educacional como cultural, promovendo atividades que unem comunidade e escola, bastante reconhecido pelos moradores de Santa Rosa do Sul.
 Com intenção de celebrar o Dia da família na Escola, data que é comemorada  no terceiro sábado de abril nas escolas estaduais de Santa Catarina, a escola Cônego João Reitz promoveu no último sábado (16/04), o I Cafe Cooperativo, evento que tinha como objetivo unir a escola, as famílias e toda a comunidade para uma manhã de confraternização, alegria, troca de conhecimento, cultura e principalmente, de fraternidade.
 Conforme o costume da escola, aconteceram exposições de trabalhos feitos por alunos relacionados ao tema família que foram expostas nos corredores, uma palestra bem bacana com Rodolfo Boneli diretor da Creedija sobre família e a vida em comunidade, teve cantoria com aluno Vitor, um brechó com roupas no intuito de arrecadar dinheiro a escola, finalizando com um delicioso café, o qual demonstrou um pouco da culinária típica de Vila São Cristovão, baseado na produção de polvilho.

  Quero parabenizar toda a diretoria da escola pelo belíssimo evento e agradecer pelo acolhimento que recebi, fui muito bacana, torço que iniciativas como essa aconteçam em outras escolas do munícipio, onde acontece a união de escola, comunidade, cultura e família, acontecem grandes mudanças. Confiram abaixo o vídeo do Vlog do Andrio mostrando  um pouco do evento:



Grande abraço, BOA SEMANA,  até a próxima!

sábado, 16 de abril de 2016

SUL DO BRASIL ESPECIAL: FEIRA DO LIVRO DE SOMBRIO, SC


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?


  Conhecida bastante por ser a Cidade do Arraialfest, Sombrio se destaca pela forte indústria e comércio, além de ser um munícipio onde a cultura sempre foi valorizada, tornando-o bastante desenvolvido em todo o Vale do Araranguá, despontando aos poucos para uma cidade com olhar voltada para o futuro.
 Há tempos, leitores e fãs de literatura de Sombrio vem lutando para que acontecesse uma feira do livro em seu munícipio, havendo inclusive um campanha no Facebook pedindo por uma feira de troca de livros alguns anos atrás, havendo grande repercussão na época, porém não surtindo efeito imediato.
 Para a alegria dos leitores e fãs de livros, depois de tantos anos pedindo, finalmente aconteceu em Sombrio uma primeira do livro, organizada pela Unilivros, empresa de livros que atua na Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC), sendo feita no Ginásio Municipal Rogério Valerim, localizado no Parque das Avenidas, cedido pela Prefeitura Municipal de Sombrio.
 Sendo realizada do dia 12 (terça) ao dia 16 (sábado) de abril, a feira ofereceu um grande variedade de livros de todos os gêneros e gostos por preços bastante acessíveis, tendo além da venda de livros, sessões de contações de divertidas estórias para a criançada feito pelos próprios vendedores, criando um vinculo positivo maior das crianças com o mundo da leitura, sendo uma estrategia inteligente e divertida.
 Quero parabenizar a Unilivros pela iniciativa de levar leitura para os mais diferentes municípios do sul catarinense, por promover cultura em lugares que dificilmente tem costume de ler ou de ter acesso a cultura, e também a prefeitura de Sombrio por aceitar essa iniciativa em sua cidade, esperamos de coração que outros munícipios sigam esse caminho, cultura é o caminho mais fácil para a busca do conhecimento, que possamos ter muitas feiras do livro por toda a região.    

    
Grande abraço, BOM FIM DE SEMANA,  até a próxima!

Um grande abraço a todos, BOM FIM DE SEMANA, até a próxima. 

sexta-feira, 15 de abril de 2016

CINE HISTÓRIA: AGUIRRE, A CÓLERA DOS DEUSES (1972)



FICHA TÉCNICA

Título Original: Aguirre, der Zorn Gottes
Duração: 90 min.
Ano: 1972
Diretor: Werner Herzog 
País: Alemanha
Idiomas disponíveis e legendas: Alemão e Português 
Gênero: Aventura/ Épico/ Drama Histórico
Temática: Conquista Espanhola na América Colonial/ Mito do Eldorado 

SINOPSE (Fonte: Adoro Cinema)

No século XVI, algumas décadas após o fim do Império Inca, uma expedição espanhola segue em direção ao rio Amazonas em busca de ouro. Ameaças surgem de todos os lados, nada sai como planejado e o número de baixas só aumenta. Liderando o que sobrou do grupo está o insano Don Lope de Aguirre (Klaus Kinski), impávido na obsessão de encontrar o Eldorado.

COMENTÁRIO

 Obra-prima dirigido pelo cineasta alemão Werner Herzog, Aguirre a Cólera dos Deuses é um dos filmes europeus mais impressionantes feitos nos anos 70, baseado em acontecimentos históricos reais, devido pela belíssima fotografia, como pela precisa reconstituição histórica, tornando-o um verdadeira proeza cinematográfica.
 Tendo um visual magnifico que exalta as belezas da selva amazônica peruana e maravilhosa trilha sonora feita pelo grupo alemão de música experimental Popol Vuh, o filme conseguiu brilhantemente vencer as dificuldades de produção devido ao baixo orçamento e os perigos de filmar no meio da floresta, sendo um grande sucesso de bilheteria em todo o mundo.
 O que faz Aguirre a Cólera dos Deuses ser tão cultuado é a interpretação brilhante do ator Klaus Kinski, que interpreta Don Lope de Aguirre, um ensandecido conquistador espanhol, que por ambição, coloca toda a missão da Coroa Espanhola em risco, devido seu desejo insaciável de encontrar Eldorado, em busca de riqueza e glória.
 Ambientado no século XVI, o filme mostra aspectos dos primeiros anos da colonização espanhola, como as guerras de conquista, as dificuldades de se aventurar numa selva cheia de perigos, as conspirações organizadas por membros dessas expedições exploratórias, a ganância por riquezas e poder, a luta contra a natureza e a relação entre conquistadores e índios são temas que podem ser visualizados durante os 90 minutos desse obra de arte do cinema alemão.
 Outro aspecto importante que o filme aborda é o famoso mito do Eldorado, que seria uma cidade toda feita de ouro maciço e continha tesouros inimagináveis, segundo a lenda que os índios contavam aos conquistadores espanhóis, o que motivou a cobiça pela busca de riqueza e glória de muitos aventureiros, muitos dos quais colocaram as expedições de conquista numa viagem mortal e sem volta, como fez o personagem principal desse filme.
 Confirma abaixo a versão original de Aguirre a Cólera dos Deuses. Para ativar as legendas clique no ícone que fica entre o relógio e a engrenagem, escolher o idioma (tem em português), daí é só apertar o PLAY e conferir esse filme imperdível a todos os fãs de filmes históricos:


Um grande abraço, BOA SESSÃO, BOM FIM DE SEMANA, até a próxima.

quinta-feira, 14 de abril de 2016

LIVRO: O LIVRO DE OURO DA MITOLOGIA HISTÓRIAS DE DEUSES E HERÓIS- THOMAS BULFINCH


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

 Um dos maiores estudiosos de mitologia de todos os tempos, Thomas Bulfinch (1796-1867) deixou um enorme legado para os pesquisadores especializados em civilizações antigas, escrevendo inúmeros trabalhos sobre mitos, todos escritos com uma linguagem bastante acessível, sendo referências obrigatórias até nos dias de hoje, sendo grandes obras da literatura universal.
 Publicado originalmente em 1855, O Livro de Ouro da mitologia: Histórias de Deuses e Heróis ou simplesmente A História da Mitologia é a obra-prima de Thomas Bulfinch, sendo reeditada incontáveis vezes em diversos países, inclusive no Brasil, sendo o livro mais acessível e completo sobre mitos.
 Tendo uma leitura simples e de fácil entendimento, o livro conta os principais mitos das mitologias grega, romana, egípcia, celta, oriental, hindu, nórdica e britânica, trazendo um resumo de cada mito, seus significados e como elas influenciaram na cultura de todo o mundo, além de demonstrar que para entendermos a literatura como ela é hoje, precisamos ter conhecimento básica da mitologia, pois muitos valores dentro dos mitos estão presentes em obras clássicas e até mesmo na cultura popular, tornando essa obra indispensável par compreender a cultura universal, altamente recomendado para todas as áreas do conhecimento.

Grande abraço, BOA LEITURA, até a próxima! 

quarta-feira, 13 de abril de 2016

A MÚSICA E A HISTÓRIA: ALÍVIO IMEDIATO - ENGENHEIROS DO HAWAII


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

Surgida em Porto Alegre em 1984, Engenheiros do Hawaii é uma banda de Rock que ganhou enorme popularidade por suas letras inteligentes e críticas, hits radiofônicos e a presença inconfundível de Humberto Gessinger, único integrante que sobreviveu a todas as mudanças de formação e é considerado a alma e voz da banda.
 Lançada em 1989, Alívio Imediato faz parte do álbum de mesmo nome, um dos primeiros álbuns ao vivo da banda, é uma letra que reflete as transformações na política, tecnologia, cultura e comportamento ocorridas no final da década de 1980, onde iniciou de fato a era em que vivemos, a era da informação rápida e imediata. Confiram abaixo um vídeo com essa canção, prestem atenção na letra:


Grande abraço, até a próxima!
  

terça-feira, 12 de abril de 2016

POEMA: AMAR




Como há belos momentos na vida,
Primeiro beijo, agradar uma pessoa querida,
Primeiro encontro, um passeio bem legal,
Tudo isso faz nossa existência especial.

O amor só traz a felicidade,
Abre a mente para a verdade,
Elimina nosso egocentrismo,
Enche os corações de romantismo.

Muito mais que poesia, é vida real,
Jamais deve ser tratado como um sonho de louco,
Por isso torna o amor tão especial.

Amar, sentimento tão sublime e belo, díficil de explicar,
Aquilo que dá sentido ao nosso viver,
Só amando para saber.

Autor: Andrio Cardoso Pereira

segunda-feira, 11 de abril de 2016

SRS ESPECIAL: PUB RÉUS


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

  Alguns ano atrás, Santa Rosa do Sul tinham festas e bailes bastante movimentados e atraindo principalmente a juventude do munícipio, as quais provinham das antigas tradições, fazendo parte da cultura e marcando páginas nostálgicas de nossa História, porém por mudanças de comportamento e por outros motivos, deixaram de existir, fazendo que nossos jovens fossem a outros municípios em busca de diversão.
 Vendo a necessidade de ter uma opção de diversão para nossa juventude, o jovem empresário Moisés Réus, dono do Restaurante Réus, localizado no lado direito da BR 101, criou em 2015 o Pub Réus que funciona no mesmo espaço do restaurante um domingo por mês, trazendo cantores e bandas tanto de nível municipal e regional.
 No último domingo (10/04) aconteceu a edição de abril do Pub Réus, atraindo uma grande multidão, que mesmo com a chuva persistente e com algumas quedas de energia não perderam a animação, trazendo atrações bastante diversificadas, como o cantor Julian Garcia que tocou os últimos sucessos da música sertaneja, a dupla Guilherme & Vinícius que tocou o sertanejo do estilo arrocha, além da banda de Pop Rock Barba Rala.
 Banda formada pelos jovens João Antônio de Souza (guitarra e voz), Yan Trevisol (bateria e voz), Weskeley de Oliveira (guitarra) e Will Recco (baixo), o Barba Rala já participou de inúmeros eventos como a Polvilhana e realizaram shows em diversos lugares de Santa Rosa do Sul e em outros municípios da região, tendo em seu repertório clássicos do Pop Rock Nacional e Internacional, músicas que agradam bastante tanto o público jovem e mais maduro, representando o Rock de Santa Rosa do Sul.
 Gostaria de agradecer a toda equipe do Pub Réus pela recepção e atenção que me deram durante a festa,  ambiente é bem bacana, recomendo muito a todos irem conhecer, com toda certeza irei fazer mais coberturas ou ir apenas para curtir, parabéns Moisés e a toda equipe, torço que essa iniciativa siga em frente e que tenha cada vez mais sucesso. Também quero agradecer a banda Barba Rala pelo carinho e pelo apoio, sucesso garotos, fizeram a alegria desse professor, tanto vocês da banda, a equipe do pub e cada um que estava lá podem ter a certeza: podem contar comigo sempre, pois onde tem juventude feliz, cultura e coisas positivas, estarei com a maior honra fazendo a cobertura.  

    
Grande abraço, BOA SEMANA,  até a próxima!

domingo, 10 de abril de 2016

RETRÔ: O PEQUENO PRÍNCIPE



Olá caros leitores, tudo bem com vocês?


Você conhece o personagem da figura acima? Ele é com toda certeza um dos personagens mais inspiradores da literatura universal, mesmo sendo criado há mais de 70 anos atrás, continua a fazer fãs pelo mundo inteiro, surgiram em diversas mídias, estou falando logicamente do inesquecível Pequeno Príncipe.
 Criado em 1943 pelo escritor e aviador francês Antonie Saint-Exupéry, O Pequeno Príncipe narra a estória de uma amizade entre um aviador e uma criança, que supostamente é um extraterrestre, no meio do Deserto do Saara, onde os dois refletem de forma positiva sobre a vida, a amizade e motivação, através de diálogos bastante profundos e aventura, tornando um dos livros mais vendidos e queridos até hoje.
O sucesso do livro é tão imenso até hoje, sendo traduzido para 220 idiomas, ganhando status de um grande clássico da literatura contemporânea, entrando também para a cultura pop, pois o personagem ganhou adaptações para outras mídias, sendo adaptado duas vezes para o cinema uma na década de 1970 (filme com atores) e outra em 2015 (animação), para gibis contando a estória de vários ângulos ou novas aventuras para o personagem, desenhos animados sendo que a versão mais conhecida é As Aventuras do Pequeno Príncipe produzida no Japão no final dos anos 1970, games, materiais escolares, camisetas, museus e exposições relacionados a temática da obras, inspirando outras obras que falam sobre os temas abordados no livro e até adaptações par o teatro, tornando um dos personagens mais amados  da literatura mundial.

Grande abraço, BOA SEMANA, até a próxima! 

sábado, 9 de abril de 2016

INFORMATIVO ESPECIAL: VLOG DO ANDRIO



Olá caros leitores, tudo de bom?


 Um das coisas que mais gosto de fazer, não importa se é pelas redes sociais, em conversa formais com amigos, no meu programa de rádio ou aqui mesmo no blog, é sem dúvida divulgar cultura, conhecimento, estar participando de eventos e levar alegria as pessoas, coisas que faço diariamente com o maior prazer, é minha fonte de trabalho e estudo, venho nos últimos anos colhendo ótimos frutos.
 Com o objetivo de ampliar a rede de comunicação com o público, no último dia 03 de abril nasceu o meu mais novo projeto, o Vlog do Andrio, que nada mais é um canal no site Youtube contendo vídeos falando a respeito de cultura, pequenas aulas de História, participação em eventos culturais, palestras e dicas culturais, sendo ampliação desse blog e do programa de rádio Correio Cultural, a princípio tendo um vídeo novo a cada quinze dias. 
 Para começar, o vídeo-piloto do canal mostra uma das festas mais grandiosas da região, a Araranguafest, a qual já falei aqui no blog essa semana, irei postar agora o vídeo sem o slide show com a fotos do evento, espero que curtam bastante e divulguem nas redes sociais, semana que vem tem mais um vídeo novo para todos curtirem, confiram:


Para encerrar essa postagem, a qual marca 100 dias consecutivos na temporada 2016, quero agradecer demais o apoio de todos nesse primeiro quadrimestre do ano, 2016 só está começando, vem muita coisa legal por aí, NÃO PERCAM UM DIA, DIVULGUE TODAS AS POSTAGENS NAS REDES SOCIAIS E PARA SEUS AMIGOS E FAMILIARES, TODO DIA  UMA SURPRESA ;)

Grande abraço, BOM FIM DE SEMANA, ATE A PRÓXIMA! 

sexta-feira, 8 de abril de 2016

SRS ESPECIAL: MÚSICOS DE SANTA ROSA DO SUL



Olá caros leitores, tudo bem com vocês? 

Como todos já devem saber e já foi frisado, Santa Rosa do Sul tem uma relação bastante grande com a  música desde a chegada dos primeiros moradores, é uma paixão que chega até os dias de hoje com bastante força, havendo inúmeros músicos no munícipio, representando os mais diversos estilos musicais, indo da música sertaneja de raiz até música instrumental, alguns deles sendo grandes destaques regional e até mesmo estadual, sendo aqui um grande celeiro de músicos. Vamos conhecer alguns artistas de nossa terra:


RENAN TAVARES (VIOLINISTA)



ALEXANDRE FERREIRA PEREIRA E DANGELO FERREIRA PEREIRA (VIOLÃO E VOZ)



CASSANDRA 23 (BANDA DE ROCK)




VELHOS BATUTAS (BANDA QUE TINHA COMO MEMBRO OS SUL SANTAROSENSES RODRIGO PEREIRA, ROMILDO EMERIM E EDMÍLSON MARQUES)



CASSIANO SANTOS (SERTANEJO UNIVERSITÁRIO)




PADRESITOS (BANDA DE ROCK DE CRICIÚMA, QUE TEM COMO MEMBRO MESSIAS FERNANDES, O VOCALISTA, QUE É DE SANTA ROSA DO SUL)



GRUPO CHAPELÃO (GAUCHESCO)



CORAL VOZES DE BETEL E ORQUESTRA BETEL CONSERVADORA (MÚSICA GOSPEL)



  Mesmo sendo uma pequena amostra, aqui dá para se notar a grande variedade de estilos que nossos músicos tem, indo desde o sertanejo indo até a música clássica, além de comprovar que são realmente talentosos e criativos. Quero terminar essa postagem especial homenageando A TODOS OS MÚSICOS, iremos a a partir de agora homenagear um por um, seja os citados pela lista acima ou aqueles que não foram mencionados nessa postagem, VOCÊS SÃO O ORGULHO DE NOSSA TERRA.

    
Grande abraço, BOM FIM DE SEMANA,  até a próxima!

quinta-feira, 7 de abril de 2016

MÚSICA E A HISTÓRIA: QUÍMICA- LEGIÃO URBANA


Olá caros leitores, tudo bem com vocês?

 Banda formada em Brasília, liderada pelo grande poeta Renato Russo, a Legião Urbana foi um sucesso tremendo do Rock brasileiro nas décadas de 80 e 90, sempre fazendo um som que unia poesia romântica, letras politizadas e instrumental que mistura ritmos como o punk, new wave, folk, rock, reggae, ska e MPB, fazendo uma verdadeira legião de fãs até os dias de hoje.
  Lançada em 1987, Química faz parte do álbum Que País É Este?, é uma canção bem pequena e muito bem humorada, feita no ritmo Punk, a qual satiriza o discurso de que tem que estudar para ser alguém na vida, se enclausurando em casa estudando no intuito de passar em vestibular, que segundo o pensamento oitentista, daria melhor "emprego" aos jovens, tendo que eles abdicar das diversões e que não havia como conciliar diversão com o estudo. Como todos sabem, Renato Russo gostava demais de estudar, de escrever poesia, nessa música ele crítica essa imposição e acreditava que os jovens deveriam conciliar estudo com diversão, pois assim a juventude poderia ser feliz, evitando assim evasão no vestibular. Confiram abaixo essa música divertida, prestem atenção na letra:


Grande abraço, até a próxima!

quarta-feira, 6 de abril de 2016

CINE HISTÓRIA: OS CANHÕES DE NAVARONE (1961)




FICHA TÉCNICA

Título Original The Guns of Navarone 
Duração: 157 min.
Ano: 1961
Diretor: Jack Lee Thompson 
País:  Reino Unido/ Estados Unidos 
Idiomas disponíveis e legendas: Inglês e Português
Gênero: Épico/ Guerra/ Ação/ Aventura 
Temática: Segunda Guerra Mundial

SINOPSE (Fonte: Adoro Cinema)

Grécia, 1943. Dois mil soldados britânicos perderam-se em Kheros. Exaustos e indefesos, eles têm apenas uma semana para partir, pois em Berlim o supremo comando do eixo determinara fazer uma demonstração de força no Mar Egeu, para fazer a Turquia entrar na guerra do seu lado. A demonstração seria em Kheros, sem valor militar, mas próximo à costa da Turquia. O melhor armamento alemão seria usado e assim os britânicos seriam facilmente dominados, a não ser que pudessem fugir antes. Porém a única rota de fuga possível estava bloqueada, pois dois canhões enormes controlados por um radar estavam em Navarone, uma ilha vizinha. Assim, um grupo aliado tem a quase impossível missão de escalar uma parede de rocha em Navarone e invadir uma fortaleza nazista, onde estão os canhões, que se não forem destruídos vão afundar diversos navios aliados, pondo um fim na tentativa de resgatar os soldados britânicos.

COMENTÁRIO

 Grandioso clássico do cinema, Os Canhões de Navarone é um épico de guerra baseado no romance de mesmo nome escrito pelo escocês Alistair MacLean, o qual foi vencedor do Oscar na categoria de efeitos especiais, sendo um filme onde a aventura e o suspense é eletrizante do começo ao fim, tendo uma belíssima fotografia que exalta as lindas paisagens da Grécia e um elenco recheada de estrelas como Gregory Peck, Anthony Quinn, Irene Papas e David Niven, que dão um verdadeiro show de interpretação em seus respectivos papéis.
 Ambientado na Grécia durante a Segunda Guerra Mundial, sendo baseada em acontecimentos reais, o filme remonta a tentativa das forças aliadas de destruir uma poderosa bateria de canhões construída pelos nazistas, que impedia a passagem de qualquer embarcação aliada pelo Mar Egeu, mandando um grupo de elite, sendo todos especialistas em armas e em alpinismo, para destruir essa bateria e finalmente poder dar um fim as pretensões de Adolf Hitler de dominar a Grécia e fazer a Turquia lutar no lado do Eixo.
 Além de retratar esse acontecimento de grande importância da Segunda Guerra Mundial, Os Canhões de Navarone mostra os métodos de intimidação que os nazistas usavam durante a ocupação na Grécia, os perigos enfrentados tanto no mar como nas montanhas ou pelas cidades gregas pelo grupo aliado, as técnicas de alpinismo usadas por eles, a estratégia para invadir e destruir a fortaleza nazista e as formas de combate são temas  desse super filme, considerado por muitos, o melhor filme de guerra de todos os tempos. Confiram abaixo o filme dividido em duas partes:






Grande abraço, BOA SESSÃO, ATÉ A PRÓXIMA! 

terça-feira, 5 de abril de 2016

POEMA: QUERO VOLTAR


Quero voltar a sentir o coração bater mais forte,
A ter aquele frio na bariga delicioso,
A contar as horas para poder rever,
Estar apaixonado de corpo e alma,
Quebrar esse muro em meu coração,
Voltar a ter a presença de alguém ao meu lado,
Que me dê amor, carinho, respeito e alegria,
Quero ser romântico, carinhoso e amoroso,
Dar alegrias e orgulho a quem estiver comigo,
Quero voltar amar novamente,
Ter a certeza que esse sentimento vai ser reciproco,
Espero que renasça esse sentimento dentro de pouco tempo,
Irei curtir cada minuto,
Pois sei que a espera valerá a pena.

Autor: Andrio Cardoso Pereira


Grande abraço, até a próxima!